Letreiro escrito breathe

Estresse: saiba como evitar e combatê-lo

Uma rotina corrida com listas cheias de tarefas a concluir é muito comum na vida da maioria dos brasileiros. Com tantas demandas para administrar, muitas vezes, o corpo reage e manda sintomas como o estresse como resposta.

O aumento do estresse pode ocasionar doenças que oferecem muitos riscos para a saúde. Por esse motivo, acompanhar o nível de estresse e saber como evitá-lo e combatê-lo é importante para manter o equilíbrio. Não sabe como fazer isso? Confira as informações e dicas que separamos para você.

Afinal, o que causa o estresse?

Cada pessoa possui um organismo e, assim, reage de forma diferente aos diferentes estímulos aos quais são expostos diariamente. Mesmo assim, é possível mapear alguns motivos que costumam ser responsáveis pelo aumento do estresse.

Mas, antes de tudo, você sabe o que é o estresse? Podemos caracterizá-lo como desajustes emocionais ocasionados por alterações hormonais, o que impacta diretamente no estilo de vida das pessoas. Viver sob pressão, ter muitas responsabilidades e falta de controle sobre a rotina e sentimentos são apenas alguns dos fatores responsáveis pelo estresse, nesse caso, procurar ajuda psicológica é o mais indicado.

Apesar de saber que ele existe, muita gente encontra dificuldade em identificar os principais sintomas do estresse. Podemos listar como sinais de alerta sintomas como alto consumo de cigarro e bebidas alcoólicas; frequente cansaço mental; dores musculares e articulares; falta de interesse e grande irritabilidade; alterações de humor e alterações de sono, para citar algumas.

Quais são as doenças causadas pelo estresse?

Os sintomas do estresse podem ser os primeiros sinais de algo maior. Algumas doenças são comuns entre as pessoas que apresentam estresse frequente. Conheça algumas delas e suas principais características.

  • Insônia: como vimos, o estresse causa alterações no sono e esses quadros podem evoluir para uma insônia. É importante ficar atento para o quanto as questões pessoais e profissionais estão interferindo neste campo. 
  • Depressão: o acúmulo de estresse causa sintomas como ansiedade e esses quadros podem evoluir para casos de depressão. Para evitar este tipo de cenário, é importante zelar por boas horas de sono diárias e seguir um estilo de vida mais saudável, buscando combater o estresse. 
  • Transtornos alimentares: pessoas com estresse acumulado costumam ter severas alterações de apetite. Seja a compulsão ou a repulsa por alimentos, esse sintoma pode evoluir para sérios transtornos alimentares. É um ponto de atenção importante para quem está se sentindo pressionado, seja por qualquer motivo.
  • Problemas no coração: como já citamos, o estresse pode causar alterações hormonais e isso pode refletir em sérios problemas e doenças do coração. É comum o fechamento de artérias e veias na região após quadros de estresse, o que pode levar a um AVC ou infarto.

Quais são as consequências de não tratar o estresse? 

As principais consequências do acúmulo do estresse estão ligadas à saúde. Como já visto neste artigo, ele pode gerar graves doenças se não tratado ou evitado. Para evitar comprometer a saúde, o mais indicado é buscar, diariamente, formas para reduzir o estresse. Você sabe como fazer isso?

Como evitar o estresse?

Apesar de parecer uma tarefa impossível para grande parte das pessoas, evitar o estresse não é complicado. O melhor tratamento contra esse mal é a construção de uma rotina que prioriza a saúde física e mental.

Está se sentindo pressionado ou, até mesmo, sobrecarregado com a sua rotina? Conversar com um psicólogo pode te ajudar a identificar as maiores causas de estresse no seu dia a dia.

O Ôn Vida+ te ajuda com suporte psicológico 24h

Entre os benefícios do Ôn Vida+ você tem o teleatendimento. Por meio desta categoria de atendimento, você pode agendar consultas com psicólogos e seguir um tratamento focado em reduzir o estresse. Entre em contato conosco, você pode assinar online, sem burocracias e sem fidelidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − três =